O que você deve pensar ao escolher um pneu?

Depois de saber o tamanho dos pneus que cabem no seu carro, você precisa ser capaz de escolher entre os diferentes tipos de pneus. Os pneus podem parecer semelhantes, mas podem ser otimizados para funcionar em condições e utilizações muito diferentes.

Pense nas seguintes coisas:
  1. Em que condições meteorológicas eu dirijo? Quais são as piores situações que posso enfrentar?
  2. Para onde vou dirigir? Ruas da cidade, rodovias longas ou caminhos na floresta exigem características de desempenho diferentes.
  3. Qual é o seu estilo de direção: você gosta de sentir cada curva ou de ser amortecido na estrada?

Leia o resto de nossas dicas para se aprofundar em cada questão.

Em que condições meteorológicas você dirige?

Os seus pneus têm de suportar uma grande variedade de condições climáticas: chuva, calor intenso, neve, gelo e assim por diante. Todos eles afetam o desempenho dos pneus, portanto, para garantir sua segurança, você precisa comprar pneus que tenham um desempenho não apenas nas condições climáticas mais comuns, mas também nas condições mais extremas que você enfrentará.

O clima é relativamente quente:

A temperatura não fica abaixo de zero ….
Você pode optar por comprar pneus para todas as estações e / ou pneus de verão.

O clima é sazonal:

No inverno, a temperatura cai abaixo de zero ….
Para maximizar sua segurança em todas as condições que você precisa:

  • Um conjunto de pneus de verão e
  • Um jogo de pneus de inverno
    ou
  • Um jogo de pneus para todas as estações.
O clima é sazonal com inverno rigoroso:

A temperatura cai abaixo de zero com neve ou gelo forte.
Para maximizar a sua segurança em todas as condições, recomendamos um conjunto de pneus de verão ou todas as estações e um conjunto de pneus de inverno e um conjunto de pneus de inverno. Os pneus para todas as estações podem não ser suficientes para as severas condições de inverno em sua região.

Que tipo de estradas?

Diferentes condições de uso requerem diferentes características do pneu.

Para dirigir principalmente na cidade, procure:
  • Distância de travagem: utilize pneus com a distância de travagem ideal, tanto em piso seco como molhado.
  • Longevidade: a condução na cidade com inúmeras paragens e arrancadas exige muito dos pneus. Escolha pneus com maior longevidade.
  • Economia de combustível: pneus com baixa resistência ao rolamento economizam combustível.
Para dirigir principalmente em estradas ou rodovias, procure:
  • Distância de frenagem em alta velocidade: para segurança máxima, selecione pneus que proporcionem distância de frenagem ideal em estradas secas e molhadas.
  • Conforto: Para viagens longas, opte por pneus que ofereçam conforto tanto em termos de vibração quanto de nível de ruído.
  • Manuseio: Selecione pneus que proporcionem excelente aderência e estabilidade.
Se você dirige em estradas não pavimentadas:
  • Procure pneus que proporcionem tração off-road e durabilidade máxima.

Qual é o seu estilo de dirigir?

Para se certificar de que desfruta da condução, procure pneus que combinem com a sua forma de conduzir.

Se você gosta de uma direção silenciosa e confortável, procure pneus que mencionem especificamente conforto, direção suave ou baixo ruído da estrada. De um modo geral, os pneus de turismo com classificação de velocidade mais baixa (classificações S, T ou H na parede lateral) são otimizados para mais conforto em vez de mais velocidade – é recomendado nunca ir abaixo da classificação de velocidade especificada pelo fabricante do seu veículo. Além disso, evite designs de piso agressivos – eles podem parecer legais, mas podem gerar muito ruído na estrada.

Se você gosta de sentir cada curva, procure pneus que mencionam grande manuseio ou precisão de direção. Eles são freqüentemente chamados de pneus de alto desempenho e têm classificações de velocidade mais altas, o que significa que são otimizados para fornecer melhor controle e uma direção mais rígida e precisa.

Fontes:

https://t.me/cursodeUkulele
https://issuu.com/detalhesmusicais
https://issuu.com/detalhesmusicais/docs/detalhes_musicais_-_sobre_n_s
https://detalhesmusical.wixsite.com/cursodeviolino
https://gitlab.com/detalhesmusical/detalhes-musical
https://gitlab.com/detalhesmusical
https://www.openstreetmap.org/user/Detalhemusical
https://www.crunchbase.com/person/detalhes-musical-curso-de-violino
https://devpost.com/detalhesmusical
https://respostas.sebrae.com.br/author/detalhes/
https://mas.to/@Detalhesmusical
https://www.bonanza.com/users/45680210/profile
https://seositecheckup.com/seo-audit/detalhesmusical.com.br
http://www.authorstream.com/cursodeviolino/
https://www.domestika.org/pt/detalhesmusical
https://developers.oxwall.com/user/CursodeCavaquinhoOnline

O post O que você deve pensar ao escolher um pneu? apareceu primeiro em Reboque Contagem.

Como lavar seu carro como um profissional em 12 etapas

Poucas coisas são tão satisfatórias quanto um carro meticulosamente limpo. É uma façanha raramente alcançável em seu lava-rápido local, com suas escovas imprecisas e flexíveis e abordagem de um spray para o máximo. Mesmo as baias de limpeza DIY podem causar mais danos do que benefícios, pois as escovas geralmente coletam detritos que podem arranhar a superfície do seu veículo. Puxar a mangueira e alguns baldes na garagem permite que você tome seu tempo e se concentre nas partes mais sujas do seu veículo.

A abordagem DIY também dá a oportunidade de limpar seu carro com segurança, sem danificar a pintura. Aqui estão 12 etapas fáceis para ajudá-lo a lavar seu carro como um profissional em sua própria garagem.

Avalie a condição do seu veículo

mercedes benz 300d

Isso parece um acéfalo, mas é uma etapa crucial. Determine a sujeira do seu carro antes de retirar as mangueiras, baldes, produtos de limpeza e toalhas. Há lama endurecida nos painéis das teclas? O carro está coberto de poeira fina? Você precisará remover o sal depois de dirigir em estradas geladas?

Você pode não precisar de um arsenal inteiro de produtos para um retoque rápido. Olhe para o próprio carro. Um carro mais antigo pode precisar de um regime de limpeza completo com argilas, ceras e polidores para proteger a pintura, enquanto um carro novo pode ter um revestimento transparente robusto ainda intacto.

Leia o rótulo

rótulo

Antes de aplicar qualquer coisa em seu veículo, leia os rótulos dos produtos que planeja usar. Nem todos os produtos de limpeza automotivos são multiuso. O produto errado pode até danificar a pintura, o verniz ou outros acabamentos internos e externos. Se você tiver alguma dúvida sobre os componentes do seu carro, sempre use os produtos de limpeza mais suaves que puder encontrar.

Ler as instruções ajudará a economizar tempo e dinheiro e garantirá que você esteja usando a quantidade certa de produto para a tarefa em questão.

O sistema de três baldes
Lave a esponja em um carro.
JOHAN ODMANN GETTY IMAGES

O objetivo de uma boa limpeza profunda é remover contaminantes da superfície do veículo. A última coisa que você quer fazer é lavar o carro com água suja que coloca a sujeira de volta no carro.

É aí que o sistema de limpeza de três baldes entra em ação. Você tem um balde cheio de água limpa com sabão e outro balde apenas com água. O balde só com água foi projetado para enxaguar sua luva de limpeza antes de colocá-la de volta no balde com sabão. O terceiro balde deve incluir uma mistura de produto de limpeza e água que é usada apenas para suas rodas, já que essas são geralmente as partes mais sujas do seu carro.

Antes de começar a limpar qualquer coisa, tire o carro da luz direta do sol, se puder. Isso garante que a água e os produtos de limpeza evaporem menos enquanto você trabalha.

Lave as rodas
lavagem de pneus de carro
SLOBO GETTY IMAGES

Vamos abordar primeiro a parte mais grosseira do carro: as rodas. Use apenas a caçamba de roda por enquanto – não a balde de água que você usará no resto do carro.

Certifique-se de não colocar seus produtos de limpeza nos pneus. Os pneus podem borrifar o produto na pintura ao dirigir o carro posteriormente. Ignore o curativo de pneu que faz suas paredes laterais parecerem mais escuras e brilhantes também. É tão escorregadio quanto brilhante e pode afetar negativamente a aderência dos pneus à estrada. Pulverize suas rodas com água para enxaguar qualquer limpador quando terminar. Lembre-se de usar uma mangueira ou garrafa separada para isso do que o balde para o resto do carro.

Lave aqueles faróis
lava-jato
MBTPHOTOS GETTY IMAGES

Os faróis de plástico ficam turvos e amarelos com o tempo, o que os torna menos eficazes na estrada. Faróis sujos podem arruinar a aparência de um carro limpo, então este é o momento perfeito para consertar isso.

Os kits de restauração de faróis são fáceis de encontrar e muitos incluem um componente de bloqueio de raios ultravioleta para proteger seus faróis agora limpos de mais danos do sol. Cuide disso agora, pois você precisará usar fita adesiva para cobrir as outras superfícies ao redor dos faróis. Limpe os faróis com sua solução de limpeza e limpe-os com um pano úmido quando terminar. Se houver um acabamento protetor em seu kit, aplique-o agora.

Lavando Seu Carro

lava-jato

GILAXIA GETTY IMAGES

Agora, para a parte mais óbvia da sua aventura DIY para a limpeza: lavar a carroceria do seu carro. Isso remove contaminantes soltos, como poeira, sujeira e lama.

Lave o carro com água primeiro para remover pedaços maiores de sujeira. Em seguida, adicione água com sabão do balde para o exterior. Certifique-se de que o sabão é adequado para a lavagem de carros . Detergentes líquidos e produtos de limpeza de louça podem remover a cera e até mesmo danificar a pintura.

Lembre-se de secar o carro com uma toalha de microfibra ou camurça levemente umedecida antes de prosseguir para as outras etapas. A cera não adere muito bem à água.

Lavar as janelas

Faça o vidro brilhar

Aqui está outra área em que é importante usar o produto certo. Os limpadores de vidro domésticos, como o Windex, contêm amônia que pode danificar o acabamento das janelas externas de um carro. Em vez disso, use um limpador de vidros feito para vidros de carros . Infelizmente, não há panacéia para remover manchas além da boa e velha graxa de cotovelo.

Prepare a superfície

barra de argila

Agora que o carro foi lavado, é mais fácil detectar manchas profundas, como redemoinhos, arranhões e oxidação na pintura. Passe a mão sobre a superfície da pintura e você sentirá os contaminantes aderidos, embora tenha acabado de lavar o carro. Para remover essas manchas mais resistentes, use uma barra de argila , que pode remover essas manchas difíceis junto com qualquer cera que tenha sido aplicada anteriormente no veículo.

Reparar arranhões
carro polonês cera trabalhador mãos polir carro polir e polir veículo com cerâmica carro detalhando homem segura um polidor na mão e lustra o carro com nano ferramentas de cerâmica para polir
BIGTUNAONLINE GETTY IMAGES

Lembre-se do ditado “isso vai dar certo?” Provavelmente vai, mas vai precisar de alguma graxa de cotovelo. (Considere este exercício como o dia dos braços.) Arranhões são muito mais difíceis de remover. Arranhões e arranhões mais leves geralmente podem ser cobertos ou preenchidos com uma camada lisa de cera, que veremos em breve. Se isso não funcionar, use um composto de reparo específico para arranhões que pode exigir várias aplicações antes de esconder um arranhão.

Arranhões mais profundos podem precisar de um retoque na pintura. Revendedores e lojas de peças oferecem canetas e latas de tinta que podem preencher seus limites mais profundos, mas se a tinta desbotou, isso pode não ser uma combinação exata. Nesse caso, você pode pedir a uma oficina de pintura para preparar alguma tinta correspondente. Você precisará adicionar primer sob a sua cor se o risco for até o metal descoberto. Aplicar duas a três camadas finas de cada camada, aguardando pelo menos 20 minutos para que sequem.

Se seu carro veio com uma camada transparente brilhante sobre a pintura, aplique-a com cuidado sobre a cor para proteger o reparo de arranhões. Use um composto de reparo de riscos na parte superior para alisá-lo.

Polimento para brilho extra

polimento

Depois de lavar o veículo e preparar a superfície, você pode polir o veículo para obter um brilho de alto brilho que pode dar à pintura do seu carro uma aparência de espelho. Esta etapa é opcional e seu polimento pode ser aplicado manualmente ou com polidor de dupla ação.

Por mais que amemos gadgets, tome cuidado com essas ferramentas de polimento. Uma mão pesada pode deixar redemoinhos indesejados no acabamento do seu carro. Se você não confia em si mesmo para ser gentil, é melhor fazer isso passo a passo.

Cera para proteger

cera de carro

CULTURA RM EXCLUSIVE / SEB OLIVER GETTY IMAGES

Muitas pessoas acreditam que a cera de carro ilumina sua pintura e isso é verdade, mas apenas parte de seus benefícios. A cera é um protetor, adicionando uma camada extra que bloqueia os raios ultravioleta para evitar o desbotamento.

A cera também ajuda a proteger a pintura de qualquer coisa corrosiva que possa cair no veículo, como cocô de pássaro. Você pode comprar carnaúba ou cera de polímero . O polímero é mais fácil de aplicar.

Manter um brilho e proteção

Encerar a cada temporada

Depois que seu carro estiver lavado, limpo e protegido, a próxima etapa em sua aventura de carro faça você mesmo é manter esse brilho e proteção. Um detalhamento de spray e um pano de microfibra limpo no porta-malas podem ser úteis para remover rapidamente a poeira, o excesso de spray e excrementos de pássaros em um piscar de olhos.

A manutenção regular da limpeza também tornará a lavagem, limpeza e proteção do seu carro mais fácil. Uma cera mais limpa pode ajudar a economizar tempo se um regime de lavagem completo for muito demorado.

Agora que seu carro está totalmente limpo, divirta-se! Dê um passeio e exiba seu trabalho árduo.

Fontes:

O post Como lavar seu carro como um profissional em 12 etapas apareceu primeiro em Reboque Contagem.